18/07/2014

Entrevista Especial: Danusko - Ilustrador e Quadrinista

"Não desistir no primeiro não, nem no segundo ou quantos forem. Prática leva à evolução. Saber ouvir críticas, e usá-las de forma construtiva. Não ficar preso a um único estilo..."


Bom dia tripulantes! Estamos voltando com mais uma entrevista especial e o entrevistado de hoje é o talentoso ilustrador e desenhista da HQ Leão Negro. Danusko Campos transita com autoridade entre diferentes estilos de ilustração, em sua galeria, é possível encontrar até mesmo animações com pixel art. Bom, confiram a entrevista e tenho certeza que vocês irão curtir!


Marcio R. Gotland: Vamos começar pelo seu pseudônimo, por que Danusko?

Danusko: É um apelido de infância que adotei como assinatura para meus trabalhos.

M.R.G: Como quadrinista, você participou de algumas revistas de HQ, dentre elas, Leão Negro. Fale sobre a experiência de trabalhar com produção de quadrinhos e da revista em questão:

Danusko: Nem sei fazer outra coisa! O Leão Negro foi um quadrinho que desenvolvi durante um tempo, e o primeiro com certo destaque. O legal desta área é que você vai ganhando visibilidade, então um trabalho puxa o outro. Através da indicação de um amigo da autora do Leão, trabalhei também na Luluzinha Teen, alguns trabalhos para autores independentes, muitas ilustrações para cartilhas do Senac e HQs adultas para sites.

 
M.R.G: Fale sobre sua formação como artista, tanto a acadêmica como a da vivência nesse universo da ilustração e das HQs:

Danusko: Eu desenho minhas histórias desde criança. Acho que era o caminho natural das coisas... E como dito antes, não tenho vocação pra outra coisa, já tive outros empregos mas mesmo durante nunca parei de desenhar e tentar. Sou autodidata. Nunca tive incentivo familiar, quando se trabalha em casa as pessoas pensam que você está de bobeira e que o dinheiro surge do nada ...rs.


 
M.R.G: Quais são as principais dificuldades nessa trilha percorrida por um artista, principalmente de HQ, no Brasil, de acordo com sua experiência? Quais são suas referências mais importantes? O que te influencia como artista?

Danusko: A mentalidade de quem comanda, quem tem os recursos de produzir algo realmente bom, mas opta pelo caminho fácil do "vamos fazer algo que vende?"; Mas desvaloriza o trabalho do artista. E a falta de liberdade criativa que acontece na maioria dos trabalhos que passei.
Referências: Mozart Couto, sempre. Influências: desenhistas, comunidade de artistas, projetos em grupo, quadrinhos "amadores" e etc.

M.R.G: Novidades? Projetos? O que o futuro reserva? (Se puder adiantar algo)

Danusko: Por enquanto só um novo Leão Negro.

M.R.G: Deixe uma frase para encerrar a entrevista:

Danusko: Um pouco de incentivo aos desenhistas: "Não desistir no primeiro não, nem no segundo ou quantos forem. Prática leva à evolução. Saber ouvir críticas, e usá-las de forma construtiva. Não ficar preso a um único estilo..." Acho que são as mais importantes.

Abraços e muito obrigado pela entrevista, fico lisonjeado pelo convite!


Portfólio: http://danusko.deviantart.com/gallery/



Agradeço ao Danusko Campos pela entrevista e desejo muita sorte e sucesso em sua carreira. Agradeço também a galera que tem acompanhado o blog, e aqueles que têm apoiado, divulgando e comentando o nosso trabalho. 




Marcio. R. Gotland
Curtam minhas páginas no Facebook: Marcio R. Gotland
Sigam-me no Twitter: @MRGotlandArt
E façam uma visitinha ao meu Deviantart: mrgotland


Você poderá gostar também:


Comentários
1 Comentários

1 comentários:

Postar um comentário